Para quem investiu em um imóvel, o momento mais gratificante de toda essa luta é a hora em que recebe as chaves da nova moradia. O entusiasmo é tanto que muitas famílias não sabem o que fazer em seguida e só pensam em ocupar a unidade o quanto antes. Porém, é preciso calma e planejamento também nessa parte da jornada.

Antes de levar a decoração, instalar móveis e aparelhos eletroeletrônicos ou até mesmo fazer reformas internas, é necessário verificar e avaliar a infraestrutura, documentação, acabamento, ligar o fornecimento de gás, energia e água, entre diversos outros pormenores. Organizar etapas para tudo isso é a melhor forma de garantir que tudo aconteça como deve ser e de maneira rápida.
Gostaria de saber o que fazer após pegar as chaves do seu apartamento? Continue lendo este post até o final. Confira:

CONFIRMAR A REGULARIDADE DOS DOCUMENTOS

Para evitar qualquer problema relacionado as documentações do seu novo apartamento, é indispensável verificar e revisar todos os documentos da propriedade.
Esse é um tópico delicado, portanto, se julgar necessário, recorra a um profissional qualificado e que trabalhe na área. Caso encontre alguma irregularidade, entre em contado o quanto antes com o escritório da construtora que executou as obras e participou dos tramites que transferiram o imóvel para o seu nome.

FAZER UMA VISTORIA NO IMÓVEL

Nesse momento, deve-se verificar as condições de todo o espaço, avaliando se as peças estão instaladas corretamente, se portas, janelas e fechaduras não estão com algum defeito, se pisos e azulejos estão bem fixados, se há alguma rachadura ou estranheza nos cômodos e assim por diante.
Uma ótima dica é realizar a vistoria completa no período da manhã, enquanto ainda há luz do dia que permita uma visualização detalhada e clara do interior do apartamento. Com esse empenho, você evita passar por dores de cabeça quando se mudar.

LER O MANUAL DO PROPRIETÁRIO

Feito e fornecido pela construtora do imóvel, o manual do proprietário conta com informações a respeito dos direitos e obrigações do novo dono do apartamento, incluindo dicas valorosas sobre o funcionamento da casa.
No manual você pode encontrar, por exemplo, orientações para realizar a instalação do sistema de gás, informações sobre a rede elétricas e suas conexões, metragens de cada cômodo e a descrição para fazer furos seguros nas paredes para alocar os móveis,
Como esse documento é muito importante, ele precisa estar sempre por perto e guardado com todo o cuidado para consultas posteriores. Mas não deixe de lê-lo por completo.

ATIVAR LIGAÇÕES DE ENERGIA ELÉTRICA, GÁS E ÁGUA

Antes de fazer a mudança, é preciso solicitar a ligação da energia elétrica, afinal, dependendo da hora em que você for levar os móveis até o apartamento, não haverá a luz do dia. Para fazer isso, entre em contato com a companhia elétrica da cidade.
Em paralelo, você pode também entrar em contato com a companhia de água e esgoto para que, assim que a mudança for finalizada, o imóvel possa ser habitado sem nenhum problema. E se já houver fogão na sua nova casa, cobre o ligamento do sistema de gás. Use o manual do proprietário para saber se ele funciona com GNV ou GLP.

REALIZAR A MUDANÇA

Por fim, o momento mais esperado: a hora da mudança. Instale os serviços básicos, como TV a cabo, internet e telefone, entrando em contato com as empresas responsáveis por esses serviços. Se os seus móveis forem novos, já pode sinalizar para que a fornecedora realize a instalação deles. E, enquanto isso, você e sua família podem colocar a decoração e os enfeites comprados a fim de deixar o novo lar agradável para todos.

São várias providências que precisam ser tomadas antes de se mudar. Se organize e faça todas as solicitações necessárias com antecedência, pois alguns serviços levam tempo para serem concluídos. Preste atenção, ainda, à taxa de condomínio. Em vários casos, você precisa pagá-la logo após a entrega das chaves, ou seja, organize-se financeiramente previamente também.
Para mais informações como essa, acesse o blog da VRV.

0 0 votes
Article Rating